Simone Elias dirigiu o curta “Bala”, o curta documentário “Artistas no Centro”, as duas temporadas da série "Cantoras do Brasil” e o doc-musical "Pedaço duma asa", com Mariana Aydar. Atualmente está dirigindo seu primeiro longa-metragem de ficção, "O Duelo", de Tchekhov. Está desenvolvendo os projetos "A Chave de Casa” a partir do livro homônimo de Tatiana Salem Levy e "Pássaro".  Simone trabalhou por quatro anos ao lado de Beto Brant e, como assistente de direção, participou dos filmes “O Amor Segundo B. Schianberg” e  “Eu Receberia as Piores Notícias dos seus Lindos Lábios”. Na mesma função participou dos projetos “Fios de Ovos” de Maíra Bühler e Matias Mariani e “FDP” de Katia Lund, Johnny Araujo, Caíto Ortiz e Adriano Civita, exibido na HBO. Fez os making ofs dos filmes “Encarnação do Demônio” de José Mojica Marins e “Estação Liberdade” de Caíto Ortiz.

Julia Bock produziu as duas primeiras temporadas da série “Cantoras do Brasil”, dirigida por Simone Elias, o filme "Elena" de Petra Costa, os longas de ficção “Sangue Azul” de Lírio Ferreira e "Reza a Lenda" de Homero Olivetto, lançado em 2016. Produziu o documentário "Corpo Manifesto", sobre os movimentos feministas da atualidade e o longa de ficção "O Duelo", baseado na obra de Tchekhov. Julia trabalhou, ao lado de Bianca Villar, na produção executiva dos filmes “O Amor Segundo B. Schianberg”, “Crime Delicado”, “Cão Sem Dono” e “Eu Receberia as Piores Notícias dos seus Lindos Lábios” todos do diretor Beto Brant, os dois últimos em parceira com Renato Ciasca; “Cabeça à Prêmio” de Marco Ricca; “Bruna Surfistinha” e "Os homens são de Marte... e é pra lá que eu vou!" de Marcus Baldini, "Estação Liberdade" de Caíto Ortiz e do seriado “FDP”, de Adriano Civita (HBO).

 

andara@andarafilmes.com.br   +55 11 99951-5050​

Rua Lisboa, 445 - 05413-000 - São Paulo - SP